Entrevista: “TI será parte do pacote de insumos que o produtor consome”

O Portal Agrolink entrevistou com exclusividade a Luiz Tângari, que é CEO e co-fundador da Strider. Especialista em tecnologia para agricultura, Tângari explica seu conceito de “agricultura do futuro”, sustentabilidade e o que os avanços tecnológicos trarão para beneficiar a produção rural.

Agrolink – O que é “agricultura do futuro”?

Luiz Tângari – É um novo modo de pensar a agricultura, com a operação vista de um jeito diferente. Ferramentas permitem o produtor tome decisões mais assertivas e use com mais eficiência seus recursos. Novos modos de entrada de dados, como tablets, drones, sensores e redes devem dominar o cenário agrícola nos próximos anos. Toda esta informação converte em menos recursos e mais produtividade. Se no passado a visão era ampliar produção com aumento de área (principalmente nas fronteiras agrícolas) hoje o foco é em ganho de eficiência, produzindo mais na mesma área.

Agrolink – Como a tecnologia pode tornar a agricultura mais sustentável?

Luiz Tângari – O Strider reduz em 10% na media o uso de defensivos em soja, cana e algodão. Outras tecnologias permitem reduzir outros insumos como fertilizantes, combustível. Além de economia, estamos falando de menos impacto ambiental. O aumento de produtividade vai reduzir a pressão para abrir novas áreas.

Para ver a entrevista complete acesse AgroLink